quarta-feira, 31 de maio de 2017

Garagem-bar 11

Garagem-bar. Mesmo!
A caverna está em pleno uso, apesar do frio e da chuva, que não animam a fazer lá muita coisa "fora de casa". 

Percebo que terei que fazer alguns upgrades: dar um jeito de fazer chegar lá a internet, talvez incluir uma TV, certamente um som e... um aquecedor! 

Mas uma coisa de cada vez e devagar, que os tempos (ainda) não estão fáceis.

Desta vez o uso me valeu um registro do charuto Senderos Robusto com um pouco de cerveja (uma bem comum Heineken).

O charuto é um medim filler e achei o fluxo por demais solto. Mas isso acabou sendo bom para uma charutada leve e rápida (e com uma densa fumaça, o que curti). 

Notem que incluí na foto uma anilha de um Monte Cristo, que experimentei no último domingo, após a viagem. Infelizmente não sei exatamente qual é, mas o tamanho/formato era de um robusto mais fino (ou talvez um corona mais curto, sei lá).

Não percebo muito bem nuances de sabor, e mantenho o "gostei/não gostei". Mas é fácil notar que o Monte Cristo possui um sabor mais marcante e gostoso. E, de todo modo, conforme eu comentei eras atrás, meu objetivo com estes registros não é qualquer "review" (aliás, já quase falei demais aqui), mas notas (principalmente fotográficas) para minha própria referência futura. Neste caso a referência é: mais Monte Cristos e Senderos apenas se for o caso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente o que quiser, concordando ou discordando, sugerindo, elogiando ou criticando, mas seja sempre educado. Qualquer comentário que seja ofensivo ou vulgar não será publicado.
Comentários de anônimos sem assinatura também não serão publicados, qualquer que seja seu conteúdo. Nem comentários puramente marketeiros.