sábado, 25 de fevereiro de 2017

Garagem-bar 7

Don Diego torpedo e licor de cachaça Weber Haus.
Charuto agradável e licor adocicado, ao meu gosto para acompanhar o tabaco.
A vida, senhores, é feita de vales e montanhas.

Enquanto a massa está a brincar o carnaval, o que quer que isso signifique, eu estou cá, sozinho. Apesar de enfrentarmos uma situação financeira difícil, minha esposa viajou com meus filhos. Por assim dizer, tirou umas férias. A dura realidade, porém, é que a bisa está em tratamento de câncer. E uma visita é mais que necessária.

Então, aqui, sozinho, e ainda apesar da situação financeira difícil, e tanto mais porque a moto está parada esperando uma mangueira a ser trocada, enchi a geladeira de víveres: peças de entrecot, carne de hambúrguer, queijo, presunto, bacon, cerveja, licor de cachaça e tabaco.
Um pouco do entrecot a me entreter nestes dias tristes de carnaval.
Assim é: vivemos uma montanha russa em que às vezes estamos lá em cima, às vezes ali embaixo. Ou, se realmente percebemos nossa contingência, a vida é ao mesmo tempo o riso e o pranto.

A vida, meus caros, é uma roseira: uma flor belíssima com um caule cheio de espinhos. Sinto falta da algazarra dos meninos e do bico da mãe. Mas folgo o tempo, remindo-o. 

Feliz é o homem que sabe dedicar seu gozo tanto quanto seu pesar ao Altíssimo. Louvado seja Ele! SDG!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente o que quiser, concordando ou discordando, sugerindo, elogiando ou criticando, mas seja sempre educado. Qualquer comentário que seja ofensivo ou vulgar não será publicado.
Comentários de anônimos sem assinatura também não serão publicados, qualquer que seja seu conteúdo. Nem comentários puramente marketeiros.